Museu de Arqueologia e Etnologia


Dicas de Cultura

  • Franklin Cascaes

    Quem foi Franklin Cascaes?

    Franklin Joaquim Cascaes nasceu em 16 de outubro de 1908, na praia de Itaguaçu. Filho de Joaquim Serafim Cascaes e...
    Leia Mais

  • Cláudio Alvim Barbosa - Zininho

    Quem foi Zininho?

    Cláudio Alvim Barbosa, mais conhecido pelos moradores de Florianópolis como Zininho, nasceu em 08 de maio de 1929 na cidade...
    Leia Mais

Inaugurado inicialmente como um instituto de Antropologia, o MArquE, Museu de Arqueologia e Etnologia da Ufsc, Professor Oswaldo Rodrigues Cabral, foi aberto ao público em 1968 com a finalidade de pesquisar, produzir e divulgar o conhecimento sobre populações pré-coloniais, coloniais, indígenas e realizar ações museológicas, visando a ampla compreensão da realidade de Santa Catarina, refletindo criticamente sobre a diversidade e identidade sociocultural do Estado.

Além do importante acervo de Arqueologia pré-colonial e Histórica e de Etnologia Indígena, o Museu é guardião da coleção Profª Elizabeth Pavan Cascaes, que contém mais de 2.700 peças e preserva o significativo acervo de Franklin Cascaes, artista que se tornou referência na compreensão da ocupação humana em Florianópolis. Este acervo abriga inúmeros desenhos, manuscritos e esculturas que retratam o cotidiano, a religiosidade, lendas, mitos folclóricos e tradições dos primeiros colonizadores da Ilha de Santa Catarina.

O Museu ainda contém acervos líticos, cestarias, cerâmicas, vidros, papéis, ósseos, madeiras, fibras vegetais, ferros, materiais fotográficos, tecido e plumária. Diversidade de materiais que, na grande maioria, foi resultado de pesquisas realizadas pelo Corpo Técnico-Científico do Museu.

Endereço, Visitação e Contato

Museu de Arqueologia e Etnologia (MArquE) – Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) – Ufsc (O acesso de veículo deve ser feito pela rótula do bairro Carvoeira).
Gratuito.
(48) 3721-9325, ufsc.mu.secretaria@gmail.com ou pelo site do MArquE.

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade