Casa da Memória

A Casa da Memória de Florianópolis é um centro de documentação vinculado à Fundação Cultural de Florianópolis Franklin Cascaes.

Inaugurada em 30 de março de 2004, seu objetivo é coletar, reunir e organizar os registros bibliográficos, iconográficos, fonográficos e audiovisuais, relativos à história, à memória, à identidade e à produção cultural da cidade.

Seu acervo é aberto ao público e, dentre as mais de 45 mil peças documentais, destacam-se os itens ligados à memória do rádio na cidade, sobretudo proveniente do compositor Zininho e de outros profissionais do rádio.

Tombado por leis municipais, o prédio foi construído em 1929 para sediar o antigo Partido Republicano Catarinense (PRC, como ainda indicam as iniciais “PRC”, no alto da porta de entrada. Depois, entre 1949 e 1978, abrigou o Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina (TRE/SC). Posteriormente, até 1995, sediou a seccional catarinense da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Construído em estilo eclético, art nouveau, o prédio ocupa uma área de 470 metros quadrados. Sua fachada imponente, apresenta longas aberturas, esquadrias em madeira, vidros jateados e rebaixos geométricos.

Endereço: Rua Padre Miguelinho, 58 – Esquina com Rua Anita Garibaldi
Funcionamento: segunda a sexta-feira, das 13h às 19h

Fone: (48) 3333-1322

publicidade

publicidade

publicidade