Casa de Nereu Ramos

Quem passeia pelo centro, entre prédios comerciais e repartições públicas, logo nota uma imponente casa amarela, em meio a jardins, no topo de um terreno elevado, localizada na esquina das ruas Visconde de Ouro Preto com Artista Bittencourt.

O imóvel, atualmente ocupado pela Fundação Cultural BADESC, foi no passado a casa de Nereu Ramos, influente político catarinense (1888-1958).

A edificação, com aproximadamente 410 m² de área construída, possui planta retangular, em dois pavimentos e cobertura em quatro águas, com telhas francesas. Do corpo principal, que guarda princípios estéticos dos estilos eclético e art déco, destacam-se dois volumes, sendo um pórtico na fachada principal e outro na fachada voltada para a Rua Artista Bitencourt.

O assoalho e o teto em madeira, as largas e altas esquadrias espalhadas por toda a casa, a escada com apenas algumas de suas peças substituídas, as colunas externas, internas e o piso de azulejos em mosaico na sacada térrea estão preservados.

A casa de Nereu Ramos está cercada por muro de arrimo em cantaria, sobre o qual está um gradil de ferro ornamentado. Em estilo eclético, a edificação encontra-se protegida por tombamento municipal desde 1983.

Sua construção data do final da década de 1920, fruto de uma homenagem do ex-governador a sua filha Olga. No portão de acesso principal há as iniciais “OR”, de Olga Ramos. Nereu Ramos viveu no local com a mulher Beatriz e os filhos Olga, Nereu Ramos Filho, Murilo e Rubens entre os anos de 1930 e 1945.

Recentemente a antiga Casa de Nereu Ramos passou por um processo de revitalização para abrigar a Fundação BADESC, mas preservou os elementos do acabamento original.

Endereço: Fundação Cultural BADESC – Rua Visconde de Ouro Preto, 216 – Centro

publicidade

publicidade

publicidade