Preá Cavia Intermedia - Ilhas Moleques do Sul

Ilhas Moleques do Sul

Dicas de Turismo

Guia Santa Catarina

Garopaba

Praias próximas: Garopaba

Por ser perto, muita gente vai surfar ou pegar uma praia em Garopaba. Conheça as várias praias perfeitas para o... Leia Mais

As Ilhas Moleques do Sul formam um conjunto com três ilhas, distantes, aproximadamente, 8,25 Km da ponta sul da Ilha de Santa Catarina,  Florianópolis, e a 14 Km da Ponta do Papagaio, em Palhoça, entre as coordenadas 27º 51´S e 48º 26´W.

O acesso as ilhas é restrito e o desembarque é permitido somente a pesquisadores, pois estão em zona de máxima proteção pertencente ao Parque Estadual da Serra do Tabuleiro.

A maior ilha do arquipélago tem 710 m de comprimento por 200 metros de largura e uma altitude máxima de 116 metros, em sua maior parte constituída por rochas graníticas expostas  recobertas por uma vegetação herbácea e arbustiva, característica de costões.

Os lados norte e leste são contornados por paredões de rocha e o acesso somente é possível pelo lado oeste, menos escarpado. Não há praias, nem enseadas ou portos naturais.

Berçario de Aves e Lar de Uma Espécie Rara de Mamífero

Consideradas como o principal local de reprodução de aves marinhas no litoral catarinense, as ilhas Moleques do Sul são muito utilizadas como dormitório e criatório natural por mais de 30 espécies de aves, como a Fragata, o Atobá-pardo e o Gaivotão.

Mas, sua notoriedade deve-se ao fato de ser o único ponto do planeta a abrigar uma espécie de roedor, a Préa Cavia Intermedia, endêmica do Brasil,  apontada como a espécie de mamífero mais rara do mundo, já que na ilha foram avistados pouco mais de 100 indivíduos da espécie.

A Cavia Intermedia é um pequeno mamífero de 25 centímetros e apenas 600 gramas de peso. Identificado pela ciência há apenas dez anos, seu aspecto físico lembra o de seus parentes do continente, mas estão separados há pelo menos 8 mil anos. Seu principais predadores na ilha são as aves de rapina como Carcará, o Carrapateiro, o Chimango, a Coruja do Campo e o Falcão Peregrino.

publicidade

publicidade

publicidade